Bom dia, Sr. Secretário! Boa tarde, Sr. Candidato!

Uma inauguração de uma estrada, no concelho de Ponta Delgada, contou, no dia 26 de maio, com a presença do Secretário dos Transportes e Obras Públicas. Algo perfeitamente normal. Celebração de um protocolo entre a Secretaria Regional dos Transportes e o Núcleo da Liga dos Combatentes para a manutenção do Monumento aos Combatentes da Guerra do Ultramar, em Ponta Delgada, assinado pelo próprio secretário da tutela a 22 de abril. Normalíssimo. Apresentação do projeto das obras no porto de Ponta Delgada, onde discursa o Secretário dos Transportes e Obras Públicas. Tudo regular, não fosse o atual Secretário dos Transportes e Obras Públicas, Vítor Fraga, candidato à Câmara Municipal de Ponta Delgada, concelho este onde estas aparições públicas de alta visibilidade ocorreram.

Mas o Sr. Secretário/Candidato não fica por aqui, nesta utilização do cargo de governante e dos recursos ao seu dispor, e assume a representação do Governo até em ocasiões em nada relacionadas com a área que tutela. A não ser que Vítor Fraga tenha assumido outras pastas sem que ninguém tenha dado por isso. Ora vejamos: o Secretário falou em representação do Governo Regional, por exemplo, nas comemorações do aniversário da banda filarmónica Fundação Brasileira dos Mosteiros, Ponta Delgada; na cerimónia de inauguração do ‘Monumento à Liberdade’, em Santo António, Ponta Delgada; no Dia Mundial do Teatro, na Fajã de Baixo, em Ponta Delgada; na homenagem ao emigrante Duarte Câmara e ao Grupo de Amigos Unidos de Fall River, que se realizou nas Capelas, em Ponta Delgada, onde mais haveria de ser!

Durante este período de tempo o Sr. Secretário Vítor Fraga, apresenta a candidatura a Presidente da Câmara de Ponta Delgada, emite comunicados de imprensa, afixa outdoors e realiza iniciativas de pré-campanha.

Há muito que a candidatura de Vítor Fraga à Câmara Municipal de Ponta Delgada foi anunciada. É absolutamente inaceitável que o Sr. Secretário, de manhã, coloque a gravata e fale em nome do Governo, utilizando todos os recursos públicos que tem ao seu dispor para, sem qualquer pudor, promover a sua candidatura, com inaugurações e anúncios, e de tarde tire a gravata, assumindo o papel de candidato. Esta falta de pudor vai ao ponto de ser Vítor Fraga, Secretário/Candidato, a representar o Governo Regional em eventos em nada relacionados com a Secretaria que tutela e que se realizam no concelho onde é candidato.

Este aproveitamento da máquina governamental e da visibilidade que a posição de Secretário confere ao candidato Vítor Fraga tem precisamente o objetivo de, em vésperas de campanha, diminuir a vantagem que, normalmente, os presidentes recandidatos levam em eleições autárquicas e ganhar vantagem sobre todos os restantes candidatos. Mas a máquina do Governo Regional não pode ser o motor da campanha eleitoral do candidato do PS à Câmara Municipal de Ponta Delgada. É altura do Sr. Secretário/Candidato, se acredita mesmo na sua própria candidatura e nas suas propostas, tirar permanentemente a gravata e passar a ser apenas Sr. Candidato.

 

#açores#Ponta Delgada#vítor fraga