A pensar no Debian…

Para já gosto do nome… Debian… gosto do logotipo… e da filosofia. Não é o dinheiro que move o projecto, gosto do Ubuntu e do openSuse e até do Fedora… mas a Canonical, a Novell e a Red Hat bem lá no fundo suportam-nos por causa do lucro ou de um possível lucro. Quanto ao debian não tem por trás uma corporação. Gosto da meritocracia, mas tenho algumas dúvidas em relação à sua aplicação prática.

Para além da filosofia gostava de experimentar como o sistema em si funciona. Parece-me que o debian é mais centrado em GNOME, certo? o que vai um pouco contra a minha recente re-migração para o KDE… mas isso podia suportar… o ciclo longo de lançamentos pode ser um entrave… gosto de ter software recente (quem não gosta), mas sei que há o testing… Vou tirar um dvdzinho e um dia destes instalo a ver no que dá… afinal já não tenho windows e sempre gostei de um dual-boot 😉

Deixar uma resposta